Notícias

Apontamentos para um Estudo da Produção de Software e a Perspectiva do Software Livre como Embrião de uma Produção Socialista

O presente artigo põe em destaque a contemporânea, e polêmica, questão do Software-Livre. De discurso libertário e inserido à esquerda no debate acerca dos direitos de propriedade intelectual, o chamado Movimento do Software-Livre apresenta, no entanto, ainda uma série de limitações, ao manter-se atrelado a uma concepção de liberdade puramente técnica e afastada, desta forma, das condições materiais da realidade. Neste sentido, o autor aponta a necessidade indispensável de proceder-se a uma análise da questão sob o ponto de vista do materialismo histórico e dialético, colocando a conjugação da luta pelo Software-Livre à luta contra o modo de produção capitalista como condição fundamental de imprimir-lhe um caráter realmente progressista e de libertação da humanidade.

Ari Silva presente!

Faleceu no dia 22 de maio no município de Belford Roxo - RJ o comunista histórico Ari Silva. Grande parte de seus 80 anos foram dedicados à luta de libertação do proletariado brasileiro e internacional.

Presidente russo tributa homenagem a soldados mortos

Moscou, 8 mai (Prensa Latina) O presidente russo, Dmitri Medvédev, tributou hoje uma homenagem à memória dos caídos na Grande Guerra Pátria (1941-1945) com uma oferenda floral na tumba ao Soldado Desconhecido, nas muralhas do Kremlin. Medvédev depositou no memorial uma coroa de flores enfeitada com uma fita tricolor do estandarte da Federação da Rússia e a assinatura do Presidente.

Manifesto do 1º de Maio de 2009

O 1º de Maio é o Dia Internacional de Luta dos Trabalhadores em homenagem à histórica greve pela redução da jornada de trabalho, iniciada nesse dia, no ano de 1886, em Chicago, Estados Unidos. Protestavam contra os maus tratos e os baixíssimos salários e reivindicavam melhores condições de trabalho e jornada de 8 horas. Os grevistas foram duramente reprimidos e os seus líderes Albert Parsons, Adolfo Fisher, George Engel e Augusto Spies foram enforcados, mas as grandes greves que marcaram aquele período assinalaram a retomada da luta operária e socialista depois da derrota da Comuna de Paris em 1871.

Nota ao Povo do Rio de Janeiro

O segundo turno em capitais como o Rio de Janeiro representa uma luta entre as oligarquias e a base aliada do governo Lula. Por isso, indicamos Eduardo Paes para manter dividida e sem articulação em nosso estado as forças da reação política, os compromissos do PT e sua base aliada obrigam a que todo aliado mude seu perfil eleitoreiro e administrativo e em épocas de crise as forças políticas em combate acirram estas características.

Avelino González Claudio

Militante do Exército Popularr de Boricua - Los Macheteros, organização político-militar porto-riquenha liderada por Filiberto Ojeda até sua morte em combate em 2005, Avelino González Claudio foi preso no último dia 7 de fevereiro de 2008 acusado de planejar a recuperação de 7 milhões de dólares de um carro-forte em 1983. Seu julgamento será no dia 6 de novembro deste ano, e É NECESSÁRIA A MOBILIZAÇÃO E SOLIDARIEDADE AO REDOR DO MUNDO. LIBERDADE JÁ PARA O CAMARADA AVELINO GONZÁLEZ CLAUDIO!

Marie Haydée Beltrán Torres

Militante das Forças Armadas de Libertação Nacional, organização político militar porto-riquenha liderada por Filiberto Ojeda nos EUA, Marie Haidée Beltrán Torres foi presa aos 25 anos, em 1980. Foi a primeira prisioneira de guerra porto-riquenha a ser condenada à PRISÃO PERPÉTUA e recusou-se a aceitar os advogados de defesa do governo dos EUA, alegando que não fizera nada e que, ao ser prisioneira de guerra, como tal deveria ser julgada. Não foi acusada de nenhuma ação específica. LIBERDADE JÁ PARA A MARIE HAIDÉE BELTRÁN TORRES!

Oscar Lopez Rivera

Militante do Exército Popular de Boricua - Los Macheteros, organização político-militar porto-riquenha dirigida por Filiberto Ojeda nos EUA, Oscar Lopez Rivera foi condenado a 70 anos de prisão. Recusou em 1999 a proposta de anistia feita pelo governo estadunidense sob a condição de que "se arrependesse", afirmando que não se arrepende, e que o crime é o colonialismo. LIBERDADE JÁ PARA O CAMARADA OSCAR LÓPEZ RIVERA!

Carlos Alberto Torres

Carlos Alberto Torres foi preso aos 28 anos, em 1980, por militar nas Forças Armadas de Libertação Nacional, organização político militar porto-riquenha liderada por Filiberto Ojeda nos EUA. Não foi acusado de nenhuma ação concreta específica, tendo sido condenado a 88 anos de prisão. LIBERDADE JÁ PARA O CAMARADA CARLOS ALBERTO TORRES!

Carta de Hugo Chaves a Ilich Ramirez

Carta-resposta do presidente da Rep. Bolivariana da Venezuela, Hugo Chavez Frías, ao cidadão venezuelano Ilich Ramirez Sanchez, o comandante "Carlos", comunista histórico internacionalista que lutou na FPLP palestina e encontra-se hoje como preso político na França.

Ilich Ramirez (mal-chamado Carlos, "o Chacal")

O comunista internacionalista venezuelano Ilich Ramírez Sánchez, ou comandante Carlos, é conhecido também como “O Chacal”, apelido da imprensa burguesa para desqualificar sua ação. Preso desde 1994 na França, foi membro da FPLP palestina, realizando em 1976 o assalto à sede da OPEP em Viena, no qual foram capturados e depois libertados 62 reféns, inclusive ministros de 11 países, para divulgar a causa palestina. Na prisão, Carlos passou 10 anos em isolamento total e sofre tortura física e psicológica. LIBERDADE JÁ PARA O CAMARADA ILICH "CARLOS" RAMIREZ!