Notícias

Sexualidade, machismo, rap e funk

Certas tentativas de definição do ato sexual se tornam uma espécie de metafísica, a qual analisa fenômenos sem considerar-se o contexto social em que estes ocorrem; como conseqüência, concepções historicamente determinadas são aceitas como naturais.

Tribuna Popular contra o Capitalismo

Como parte das comemorações do dia do Trabalhador, já no dia 30 de Abril, o CLCN estará presente na Tribuna Popular contra o Capitalismo na Praça José de Alencar, no centro de Fortaleza.

No Rio, rumo a Quinta da Boa Vista neste 1º de Maio

O Partido Comunista Marxista - Leninista e a Coordenadora Continental Bolivariana - Luiz Carlos Prestes – 20 Capítulo Brasil convidam a classe trabalhadora em geral para mais um ato político e cultural de protesto contra a política neoliberal implementada no país e na América Latina.

Um pouco sobre a luta das mulheres...

“No dia da mulher as mulheres organizadas manifestam-se contra a sua falta de direitos. Mas alguns dizem: Por quê esta separação das lutas das mulheres? Por quê há um dia da mulher, panfletos especiais para trabalhadoras, conferências e comício? Não é, enfim, uma concessão às feministas e sufragistas burguesas? Só aqueles que não compreendem a diferença radical entre o movimento das mulheres socialistas e as sufragistas burguesas podem pensar desta maneira (...).

CCB - Brasil: Todo o apoio aos 7 presos políticos da CCB-Perú

O Capítulo Brasil da Coordenadora Continental Bolivariana, “Luiz Carlos Prestes” (CCB-Brasil-LCP), manifesta todo seu apoio aos 7 homens e mulheres peruanos injustamente presos em Tumbes no dia 29 de fevereiro de 2008 e condena o governo peruano de Alan García e do APRA pela ação autoritária e sem quaisquer provas.

RPDC denuncia atos de violencia no Tibet

Em 20 de Março o porta-voz do Ministério das Relações Exteriores da RPD da Coréia respondeu a perguntas de jornalistas, em uma coletiva de imprensa, sobre os crimes de violência cometidos na cidade de Lhasa, capital da região autônoma do Tibet.

Os fatos em foco na Colômbia.

Madrugada de sábado, 1° de Março. Aviões “Tucanos” pertencentes às Forças Aéreas Colombianas sobrevoam a fronteira entre Equador e Colômbia. O cenário é a selva amazônica, cobiçada pelo imperialismo americano e essencial à vida na Terra. Além de possível fonte de petróleo, é uma das maiores fontes de matérias primas e oxigênio do planeta. A selva atravessa o território de seis países (Brasil, Venezuela, Colômbia, Equador, Peru e parte da Bolívia).

Paz e liberdade para o povo colombiano

Contra os quase meio séculos de desaparecidos políticos e massacres infligidos ao povo colombiano, centenas e milhares de pessoas ao redor do mundo protestam repulsa ao Governo de Alvaro Uribe, no país vizinho. Principalmente agora depois que o governo de Uribe demonstrou a sua verdadeira face de títere do imperialismo.