Internacional

Nova fase da guerra imperialista contra a Síria

A Síria vive hoje uma guerra entre as tropas do governo Bashar Al-Assad e mercenários islâmicos açulados pelas potências ocidentais. Ainda que os grandes meios de comunicação apresentem o conflito como um levante popular de "rebeldes" contra um "regime opressor", já está clara a natureza imperialista desta disputa travada contra um país que estabelece fortes laços com Rússia, China e Irã, além de ser o único Estado independente e secular do mundo árabe.