Coluna Pelo Mundo

Nesta edição, leia na Coluna pelo Mundo: Cúpula da UNASUL no Equador debaterá com Préval ajuda ao Haiti; Ressaltam em Angola contribuição de heróis da independência; Comissão Ministerial Argentina-Brasil realiza primeira reunião; e Comunistas peruanos pedem unidade por uma Nova República.

Cúpula da UNASUL no Equador debaterá com Préval ajuda ao Haiti


A Cúpula da União de Nações Sul-americanas (UNASUL), a efetuar-se na próxima terça-feira nesta capital, permitirá aos governantes da região discutir diretamente com o presidente haitiano, René Préval, as urgências em seu país.  O presidente equatoriano, Rafael Correa, em sua qualidade de Presidente Pro Tempore do organismo de integração regional, convidou seu homólogo haitiano para participar desta reunião e informar as necessidades de seu país depois do terremoto do dia 12 de janeiro.


Ressaltam em Angola contribuição de heróis da independência


O vice-presidente do MPLA, Roberto de Almeida, manifestou aqui que os angolanos gozam hoje de liberdade e conseguiram sua independência como resultado da determinação e bravura dos heróis se levantaram em armas em 4 de Fevereiro de 1961. Em ocasião do Dia Nacional da Luta Armada, o dirigente do Movimento Popular para a Libertação da Angola (MPLA), rendeu homenagem aos patriotas angolanos no Cemitério de Alto das Cruzes, em Luanda.
Nesse lugar, localizado no município de Ingombota, Almeida recordou a contribuição de Paiba Domingos dá Silva, Imperial Santana, Cónego Manuel das Neves e muitos outros lutadores.
Significou que os heróis do 4 de Fevereiro demonstraram que o povo angolano ia em marcha triunfal, rumo à conquista da independência em 11 de novembro de 1975.



Comissão Ministerial Argentina-Brasil realiza primeira reunião


Argentina e Brasil celebram hoje a primeira reunião da Comissão Ministerial Bilateral, criada para a análise do estado das relações comerciais para limar qualquer aspereza no intercâmbio comercial. Os chanceleres de ambos os países, Jorge Taiana e Celso Amorim, conversaram ontem sobre uma ampla agenda de temas nacionais, regionais e globais de interesse mútuo e se incorporam hoje ao flamante fórum.Depois de uma audiência com a presidenta Cristina Fernández, o chefe da diplomacia brasileira anunciou a visita do presidente Luiz Inácio Lula da Silva em março, para dar continuidade ao processo de reuniões bilaterais decidido.


Comunistas peruanos pedem unidade por uma Nova República


Com um chamado à unidade das forças progressistas para chegar ao governo, fundar uma Nova República e pôr fim ao neoliberalismo, iniciou-se no Peru, em 5/02, o VIII Congresso do Partido Comunista do Peru-Pátria Vermelha.
A convocação ainda noite o secretário geral da organização, Alberto Moreno, na inauguração do VIII Congresso do PCP-PR, com assistência de representantes dos outros partidos de esquerda e o Partido Nacionalista, de Ollanta Humala.
Moreno saudou o recente pronunciamento de um grupo de intelectuais, de respaldo à candidatura presidencial do líder do PNP, Ollanta Humala.