Internacional

América Latina sob a mira de Obama

O golpismo em Honduras completou seu segundo mês impune. Além da repressão brutal às greves e manifestações populares, a presidenta do Comitê de Familiares dos Detidos e Desaparecidos de Honduras (COFADDEH), Bertha Olivo, denunciou que o governo de Micheletti está formando um grupo de efetivos paramilitares, financiados por setores da oligarquia que apóiam o golpe.

Eleições no Afeganistão

Depois de serem postergadas, as eleições presidenciais afegãs foram realizadas e se a princípio as forças de ocupação apostaram por eleições “limpas e em massa”, depois dos acontecimentos das últimas semanas (fraca participação do eleitorado, divisões internas entre os candidatos, aumento das operações da resistência afegã, operações em massa das tropas de ocupação…), fica evidente que a realidade é muito diferente da que as forças ocupantes pretendem nos mostrar através de fotografias registradas durante o processo eleitoral.

Vaca fardada

O General Olímpio Mourão Filho comandava o exército em Minas Gerais no dia 31 março de 1964. Foi o primeiro militar a deixar o quartel para derrubar o governo constitucional de João Goulart. Integralista, acreditava que os comunistas comiam criancinhas assadas no espeto e eram uma ameaça a Deus, à Pátria e à Família – assim, com maiúsculas. Ele se definia como uma “vaca fardada”. Devia ter razão.