Social

Lula e o povo no mar revolto da crise

Em meio à crise econômica pela qual o mundo passa, onde grandes empresas e bancos começam a quebrar, o desemprego a aumentar, e os problemas sociais a se acentuar, o Brasil, ao contrário do que disse o presidente Lula, começa a sentir as consequências, pelo menos o povo brasileiro; as “férias forçadas” sem previsão de volta só crescem junto das demissões, em seguida, a repressão do Estado sobre os trabalhadores informais e o encarecimento da cesta básica.

27 milhões de reais para recuperação das regiões fluminenses

As cidades da região Norte e Noroestes fluminense, afetadas pelas chuvas desde dezembro de 2008, devem receber, na próxima semana, R$27 milhões. O dinheiro deve ser liberado pela Assembléia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj), que deve doar R$15 milhões, e pelo Tribunal de Contas do Estado, que autorizou a liberação de R$12 milhões do orçamento de 2008. De acordo com o último balanço da Defesa Civil, três mil pessoas estão desalojadas e 450 mil desabrigadas em todo o estado. As chuvas dos últimos dias atingiram com menor intensidade no Noroeste, que desde de dezembro sofre com enchentes, mas afetou gravemente municípios da região metropolitana.

Embaixador da Palestina fala em ato em BH

Após uma jornada organizada pelo Comitê de Solidariedade ao Povo Palestino, realizada em Belo Horizonte no dia 15/01/2009, atividade esta que ocorreu na Praça Sete – centro da capital – durante todo o dia com exposição de fotos e outras informações sobre o conflito Israel-Palestina, enfim, uma concentração com uma ampla participação popular, no final houve um ato onde se pronunciaram diversas autoridades representantes de entidades, partidos, etc. Um deles contou com a presença do Embaixador da Palestina no Brasil, Ibrahim Al Zeben. Após o ato foi realizada uma caminhada até a Associação Israelita, encerrando assim as atividades.

Ato de repúdio ao genocídio contra a Palestina no Rio

Como consequência dos ataques de israel sobre a Faixa de Gaza, vários países do mundo prestaram solidariedade ao povo palestino e total repúdio à aos ataques de Israel. No Rio de Janeiro, dia 08/01 às 15 horas, centenas de pessoas reuniram-se no centro da cidade para protestar contra o genocídio israelense imposto sobre o povo palestino. A manifestação foi organizada pelo CSLPP-RJ(Comitê de Solidariedade à Luta do Povo Palestino), que é composto por diversos partidos e movimentos sociais.