Página 11 - Cultura e Esporte

E o cinema brasileiro?

O cinema brasileiro vive, neste ano de 1991, uma verdadeira e cruel "lei seca". Parece que as pessoas responsáveis pela distribuição dos filmes no Brasil, resolveram nos entupir, apenas, das xaropadas indigestas das Xuxas, Paquitas, Dominós, Sérgios Malandros e dos sempre iguais Trapalhões.

O impasse cultural brasileiros afro-brasileiro

A luta do negro brasileiro para afirmar sua identidade, através de princípios culturais que herdou de seus antepassados, é antiga e árdua. Vem desde antes da Abolição e encontra pela frente, como principal obstáculo, a obstinação das elites que se revezam há quase quinhentos anos no comando do país. Essas classes dirigentes teimam em não enxergar o Brasil como uma nação pluriétnica e pluricultural. E assim vêem os produtos do pensamento afro-brasileiro quase sempre como manifestações folclóricas, como restos fossilizados de um passado já longínquo, e nunca como forças e em processo.